Como se profissionalizar como eletricista – Guia Completo

Como se profissionalizar como eletricista – Guia Completo

Como se profissionalizar como eletricista? Responder esta pergunta é uma coisa um tanto quanto interessante, afinal de contas a maioria dos eletricistas começa na profissão por acaso. Aprendem algumas coisas com o pai, ou um amigo, começam a fazer seus reparos em casa e do nada estão ganhando para fazer na casa dos outros.

Uma grande parte dos eletricistas por aí são pessoas práticas, aprendem com a tentativa e erro e pequenas aulas de outros eletricistas. O que não é uma coisa necessariamente ruim. A maioria das pessoas acaba por realmente conquistar grandes resultados.

Mas a verdade é que ser alguém sem uma qualificação formal, ou mesmo sem ter uma base forte para conquistar ainda mais mercado, fica difícil realmente ter um bom salário. Não me leve a mal, muitos ganham bem acima da média do brasileiro comum, porém poderiam estar realmente mais folgados.

Escolher um curso profissionalizante, ou mesmo vários deles, poderia ser uma saída bem eficaz para esta situação. Sendo assim gostaria de te guiar em alguns passos para que você saiba como se profissionalizar como eletricista.

Vamos conferir?

Como se profissionalizar como eletricista?

Primeiramente eu gostaria dizer que este não é o único jeito de você se tornar um eletricista profissional de sucesso. Há vários outros meios de simplesmente compartilhar conhecimento de uma forma bastante eficaz.

Mas muitos deles são bem caros e demorados, como por exemplo uma faculdade inteira de engenharia elétrica. Quem precisa fazer um curso desses de maneira particular, em uma faculdade sem ser pública, provavelmente irá gastar muito dinheiro, e quase meia década da vida ao menos.

Então estou colocando aqui o que eu julgo ser um caminho bastante rápido, barato e ainda assim muito eficaz.

1 – Comece por um curso de eletricista residencial

Não há nada melhor do que começar com um curso eletricista residencial Goiânia. O eletricista residencial é realmente um profissional muito versátil, além de ter domínio sobre todo o conhecimento básico da profissão.

Este é um curso que se encontra de modo profissionalizante de maneira fácil e em abundância. Eu porém recomendo o curso de eletricista profissionalizante que a Engehall disponibiliza. Pois trás todo o conhecimento necessário para este profissional e ainda abrange várias outras áreas.

Um eletricista profissional, que atua na área residencial, talvez não tenha as melhores comissões que o mercado pode oferecer. Entretanto é uma saída inteligente e eficaz para quem deseja começar a pegar um grande número de trabalhos rápidos e fáceis.

Sem contar que você irá aprender muito sobre todo o comportamento da eletricidade. Facilitando o acúmulo de experiência e o levantamento de clientes de uma maneira geral.

2 – Curso de NR10

O segundo passo para se tornar um eletricista profissional é realmente agir com maior cautela e precisão. Então, foi criado há algumas décadas, a famosa Norma Regulamentadora 10.

Este é um dispositivo legal com várias recomendações, procedimentos e ações que permitem ao profissional garantir um trabalho mais seguro e eficiente. Tudo baseado em estudos e boas práticas que foram adquiridas ao longo de anos.

Esta norma é tão importante que empresas que expõe seus profissionais a riscos deste tipo são obrigadas a entregar este tipo de treinamento de forma gratuita. Além de não poderem permitir que as atividades comecem sem que ele esteja devidamente capacitado.

Para o profissional autônomo este curso também traz várias vantagens, sendo a primeira delas a segurança. Afinal de contas, você não vai ter uma empresa que te dará auxílios caso sofra um acidente. Sem contar que vários dos problemas envolvendo eletricidade podem gerar situações realmente terríveis.

Por outro lado você também pode apresentar um currículo melhor para novos clientes. E como fará seu trabalho da maneira mais segura, passa uma impressão correta de profissionalismo. Aumentando sua rede de clientes e melhorando os lucros.

Então o melhor a se fazer é realmente procurar se tornar um profissional ainda mais capacitado de maneira geral.

3 – Comece a trabalhar para levantar contatos

Um ponto muito interessante do sucesso do eletricista é realmente levantar contatos. Clientes dificilmente precisam de um serviço todos os meses, se isto acontece o ideal é recomendar o cliente a trocar toda a instalação elétrica da casa.

Mas sempre que você atender alguém é importante anotar o contato daquela pessoa. Se você consegue alguém com um aplicativo como WhatsApp ou Telegram, melhor ainda. Você pode criar alguns lembretes, ou mesmo compartilhar algum tipo de informação sobre o assunto e enviar de maneira esporádica.

Não é para lotar a caixa de mensagens dos clientes, mas definitivamente é bom mandar algo todo mês. Traga dicas para reduzir consumo de eletricidade ou mesmo sobre riscos envolvendo eletricidade.

Sempre que for atender um cliente é importante prestar o melhor trabalho possível. Lembrando que para o cliente o acabamento visual é praticamente tão importante quanto a própria solução.

4 – Cuidado com as gambiarras

Alguns, infelizmente, possuem uma má índole e simplesmente entregam soluções paliativas, que normalmente irão voltar a ser defeituosas. A ideia é sempre retornar e ganhar de maneira recorrente, fazendo o mínimo de esforço possível.

Além de ser algo completamente desonesto, dificilmente hoje a pessoa irá cair neste tipo de cilada. Principalmente porque temos a internet e vários tutoriais rápidos para diversos problemas do cotidiano. É muito difícil faz com que alguém seja enganado neste assunto.

Outro ponto é que um trabalho mal feito pode gerar acidentes terríveis para o cliente. E você provavelmente será a pessoa que irá responder por isso.

Há casos em que o cliente não vai gostar do orçamento e vai pedir algo para resolver a situação de imediato. Entretanto o ideal é sempre negociar e só entregar algo de qualidade inferior em última instância.

Fazer com que você tenha uma fama de alguém que não resolve problemas da maneira correta não é algo nada positivo. Muito menos algo recomendado.

Sendo assim, sempre entregue o melhor possível para o seu cliente. E se possível entregue algo a mais do que foi combinado. A ideia é fazer com que as pessoas consigam se apaixonar pelo seu trabalho, sendo então a recomendação número 1.

No mais é isso, te desejo muito sucesso!